Meus segredos de negociação em tempos de crise

winwinPara muitos freelancers a ideia de ter que negociar com o cliente já dá um frio na barriga. É algo que tentamos evitar a todo custo.

Mas negociar é uma importante habilidade em um empreendedor ou freelancer ou autônomo... como queira chamar. Ser capaz de negociar com calma pode te ajudar a conseguir ganhar mais trabalhos com cachês melhores. E pode te ajudar também a lidar com clientes mais econômicos, que sabem pechinchar.

Ainda bem que você não precisa ser um negociador experiente para conseguir os benefícios. Nnao é difícil! Você só precisa ter em mente dois conceitos importantes:

1— Um bom negociador sabe que cada parte deve sentir que ganhou.

2— Para cada concessão que fizer, você precisa pedir algo em troca.

Se seu cliente acha que $3.500 é muito pelo trabalho, mas você pergunta quanto ele pode gastar apenas $3.000. Se você conceder a ele o desconto, deve fazê-lo sob a condição de que o cliente também desista de algo. Alguns dos seus clientes serão bons em negociar seu pagamento. É assim mesmo... Mas não veja isso como um problema. Ao contrário, olhe como uma oportunidade de criar uma situação onde os dois saem “lucrando”.

E a chave é: não tem que ser algo importante para você. Só que deve ser percebido como algo que ele concede para receber o que quer. Se você está concordando em cortar seu preço em $500, deve pedir ao cliente algo em troca. O que você poderia fazer:

· Pedir pagamento total adiantado. Geralmente trabalho assim para gravações curtas. Para clientes maiores com projetos que levam alguns dias, que são feitos para empresas sérias e onde você precisa emitir nota fiscal, não precisa ter receio e aguardar alguns dias pelo pagamento.

· Peça mais tempo para entregar o trabalho. Essa pode ser uma ótima concessão se você tem outros trabalhos para entregar simultaneamente. Ou se seus trabalhos chegam repentinamente. Você pode realiza-los e aquele com desconto não vai te atrapalhar.

· Faça menos por menos. Negocie não limpar o áudio... Ou não produzí-lo... Ou se você é designer, escritor, fotografo, certamente sabe o que retirar da mesa de negociação ;)

Mas você pode estar dizendo:

E eu que sou iniciante e não tenho clientes. Como faço?

Uma vez que você determinou quanto vale seu serviço, um atalho infalível para qualquer um, veterano ou iniciante é perguntar qual o orçamento do cliente para o trabalho ou quanto ele pode pagar. Muitas vezes você pode se surpreender e ver que o orçamento dele é maior do que seu cachê ;)

E você, tem algum “jeitinho” especial na negociação que gostaria de compartilhar?

Até mais!

 

Adicionar comentário

Código de segurança
Atualizar

Quem está online:

Temos 170 visitantes e Nenhum membro online